Telefones: 31 3213-4975 - 31 3212-4155
Whatsapp: 31 98634-1481
Atendimento de Seg. à Sex. de 09:00 as 17:00

 

                                                                                   

INFORME 004/2022 AEA MG –  18 JAN 2022

Palavras-chaveFUNDOS DE PENSÃO - SINPREV

 

 Prezado(a)s Associado(a)s, 

O Sindicato Nacional dos Participantes das Entidades Fechadas de Previdência – SINPREV, promoverá o lançamento da campanha '‘RECUPERAÇÃO DOS FUNDOS DE PENSÃO” no dia 20 de janeiro, próxima quinta-feira.

O evento, que conta com o apoio da AEAMG, acontecerá na sede da Associação, à Avenida Amazonas, 298, 1º andar, centro, BH/MG, com início às 16 horas e previsão de término até às 17h30m.

Conjuntamente, os Presidentes da AEAMG e do SINPREV, Maurício Marques de Aguiar e Robledo Coimbra, respectivamente, convidam V.Sas. a participarem do evento.

Considerando o interesse pelo tema, a diversidade de público e limitação do número de participantes, estão reservadas 15 (quinze) vagas para os associados da AEAMG.

Os interessados em participar do evento, deverão, por gentileza, manifestar-se por meio de envio de e-mail à AEAMG, no endereço eletrônico Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. , estando garantido o lugar para as 15 (quinze) primeiras manifestações, que receberão confirmação de participação da Associação.

Cordialmente

Maurício Marques de Aguiar

Presidente

AEAMG

 

                                                                                   

INFORME 003/2022 AEA MG –  17 JAN 2022

Palavras-chavePROSA E MEMÓRIAS, SEMANA DO APOSENTADO

 

 

Prezado(a)s Associado(a)s,

Semelhante ao ano de 2021, AEAMG promoverá na semana entre os dias 24 e 28 de janeiro de 2022 a Semana do Aposentado.

Teremos diversas atividades ao longo da semana, cuja divulgação detalhada acontecerá nesta semana.

Entre os eventos, copiando o que teve um grande sucesso no ano passado, teremos dois encontros com o Fred Ribeiro na atração “Prosa e Memórias”

Neste evento, sempre acontecendo de forma virtual, o colega Aposentado Caixa e Associado, Fred Ribeiro, Profissional na arte de ensinar a falar em público e inúmeras outras formas de expressão, conduz um programa com 03 (três) convidados, todos aposentados CAIXA e associados da AEAMG, oportunizando a cada um que relembrem casos pitorescos da vida profissional na empresa.

Um momento nostálgico, prazeroso e divertido.

Na versão de 2021 a AEAMG convidou os participantes de cada encontro, e neste ano, faremos de forma diferente, propiciando aos nossos Associados que se manifestem demonstrando interesse de participar dos programas como atores, todos principais, sem coadjuvantes.

Os programas acontecem “ao vivo”, de forma virtual, estando cada participante em sua casa ou local que escolher estar, com transmissão pelo Youtube e outras mídias sociais. A duração de cada programa é de uma hora, podendo se estender por mais alguns minutos.

A agenda dos programas “Prosa e Memórias” em JAN 2022:

1º - dia – segunda-feira        24 JAN 2022 – das 16 às 17 horas.

2º - dia – quarta-feira           26 JAN 2022 – das 10 às 11 horas.

A AEAMG promoverá o sorteio dos Associado(a)s que se inscreverem, sempre obedecendo a preferência pelo dia/horário de participação conforme manifestado.

Participem. Inscrevam-se encaminhando e-mail para AEAMG (Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.) até às 18 horas do dia 18 JAN 22, terça-feira, registrando o desejo de participar e a escolha do dia/horário.

Até o meio-dia do dia 19, quarta-feira, divulgaremos o resultado, permitindo que o colega Fred Ribeiro faça contato com cada um previamente para informações importantes, sempre divertidas, para a participação.

Cordialmente

Adriana Marinho de Almeida Couto                         Maurício Marques de Aguiar

Diretora de Comunicação e Marketing                    Presidente

AEAMG                                                                  AEAMG

 

Prezados (as) Associados (as):

A pandemia nos trouxe para a intimidade de nossos lares e de nós mesmos.

Para alguns isto foi vivido com mais tranquilidade para outros nem tanto.

Qual (is) foram as principais dificuldades encontradas?

O que foi bom ou até mesmo surpreendentemente bom?

Qual a relação da intimidade com o contato físico? E o sexo?

O que nos assusta na intimidade?

Embarcados num mundo liquido, com relações fluidas e desenraizadas, a pandemia é uma janela de oportunidade para essa grande reflexão sobre a qualidade das relações, começando da nossa própria relação conosco mesmo.

Venha conversar conosco sobre este importante e oportuno tema. Afinal é também um convite a relação!

Nos vemos hoje,  17/01 às 16H

Link para acesso: 

https://us02web.zoom.us/j/88397709747?pwd=RW1adlpQSXJRcTNvbURwZWo0bFQvdz09

AEAMG

                                                                                   

INFORME 002/2022 AEA MG –  10 JAN 2022

Palavras-chaveSAÚDE CAIXA, PROBLEMAS/SOLUÇÕES

 

Prezado(a)s Associado(a)s,

O Saúde Caixa, plano de assistência à saúde dos Economiários, ativos e aposentados, identifica-se como uma preciosa forma de prestação de serviços que conta e alcança diretamente três pilares: A Caixa, os usuários/beneficiários e os prestadores de serviços na área de saúde.

Um processo da magnitude do Saúde Caixa por si só é complexo, pois além da estrutura técnica, operacional e legal, é dispendioso financeiramente, em especial para quem o consome e na forma como se apresenta hoje.

É obrigação de quem gere o processo administrativamente, a Caixa, juntamente com aqueles que ofertam o serviço, os credenciados, que o façam de forma excelente, e a contribuição dos usuários para que isto aconteça é fundamental, pois são os titulares do plano e seus dependentes que recebem o serviço prestado.

Tornou-se recorrente a insatisfação dos beneficiários do Saúde Caixa diante de muitos setores do plano, como:

  • Complexidade de informações gerais e específicas (inclusive para acesso) sobre o plano e seus serviços, desde a forma de consulta como o uso final dos serviços.
  • Ausência de transparência e fidedignidade em relação aos aspectos financeiros do plano, entre eles cobranças de mensalidades e/ou coparticipação dos usuários com anos de atraso.
  • Tempo demasiadamente longo para uma análise e posterior liberação de procedimentos requeridos.
  • Rede de credenciados com muita alteração, em especial descredenciamento de prestadores de serviços importantes, desde a rede primária de atendimento aos serviços de média e alta complexidade.
  • Inexistência de gerenciamento de contingências por parte da Caixa, a despeito das condições legais sobre o tema anterior.
  • Inexistência de políticas robustas de prevenção à saúde, o que poderia reduzir de maneira significativa os custos em todas as fases do processo (tanto para os empregados usuários como os aposentados).
  • Outras situações.

A FENACEF, cumprindo seu papel de representar seus associados via as Associações de Aposentados estaduais, tem uma agenda prévia com a Vice-Presidência da Caixa responsável pelo Saúde Caixa para apresentar os problemas que afetam os usuários, em especial os aposentados.

Para que o encontro tenha a maior e melhor ressonância possível, torna-se importante que o máximo de subsídios, mesmo que como informação, sejam coletados para discussão, inclusive com citações específicas para o caso de credenciados, como necessidade de novos credenciamentos, retomada de credenciamentos cancelados, e outros.

Nas questões relacionadas aos descredenciamentos, a citação específica do prestador de serviços e os efeitos da ação, no mínimo implicará na justificativa pela Caixa da motivação da situação, da mesma forma sobre as ações desencadeadas para substituição ou ação de contingência.

Dada a exiguidade do tempo para coletarmos as informações sobre o Saúde Caixa da forma proposta, solicitamos que, preferencialmente, as manifestações nos sejam enviadas por e-mail (Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.), e em segunda opção pelo aplicativo WhatsApp no número (31) 98634-1481 até o fim do dia 12/01/2022, próxima quarta-feira.

É fundamental que as informações contenham o tipo de reclamação e/ou sugestão, a motivação e, existindo alguma referência, ela seja citada.

Solicitamos e agradecemos sua participação.

Cordialmente

Adriana Marinho de A. Couto                                  

Diretora de Comunicação e Marketing                    

AEAMG                                                                     

 

Maurício Marques de Aguiar

Presidente

AEAMG

 

                                                                                   

INFORME 001/2022 AEA MG –  04 JAN 2021

Palavras-chave: CLUBE DE LEITURA - LER PARA TECER AEAMG

 

Prezado(a)s Associado(a)s,

 

No dia 30 de dezembro, última quinta-feira do mês, e do ano de 2021, foi realizado, por videoconferência, o terceiro encontro do Clube de Leitura LER PARA TECER AEA-MG.

“Um clube de leitura é um grupo de pessoas que leem o mesmo livro e se reúnem, de tempos em tempos, para conversar sobre cada uma das obras lidas.”

O tema do LER PARA TECER AEA-MG é a leitura de livros de romances escritos por autoras brasileiras e também estrangeiras.

Segundo a mediadora e escritora Terezinha Pereira, no mês de dezembro, o livro lido e discutido pelos leitores foi “A Hora da Estrela" de Clarice Lispector. Durante o encontro, os participantes partilharam suas experiências, trocaram opiniões, falaram de seus mais diversos sentimentos despertados pela leitura do livro. 

A nordestina Macabéa, a protagonista de A Hora da Estrela, é uma mulher que mal tem consciência de existir. Depois de perder seu único elo com o mundo, uma velha tia, ela viaja para o Rio, onde aluga um quarto, se emprega como datilógrafa e gasta suas horas ouvindo a Rádio Relógio. Apaixona-se, então, por Olímpico de Jesus, um metalúrgico nordestino, que logo a trai com Glória, uma colega de trabalho. Desesperada, Macabéa consulta uma cartomante, que lhe prevê um futuro luminoso, bem diferente do que a espera.  

Trechos:  

“Então eu canto alto agudo uma melodia sincopada e estridente – é a minha própria dor, eu que carrego o mundo e há falta de felicidade. Felicidade? Nunca vi palavra mais doida, inventada pelas nordestinas que andam por aí aos montes.” 

Clarice Lispector (1920-1977). A Hora da Estrela. Rio de Janeiro: Rocco, 2020.p.10 

“Mas a tia lhe ensinara que comer ovo fazia mal para o fígado. Sendo assim, obediente adoecia, sentindo dores do lado esquerdo oposto ao fígado. Pois era muito impressionável e acreditava em tudo o que existia e no que não existia também. Mas não sabia enfeitar a realidade. Para ela a realidade era demais para ser acreditada. Aliás a palavra “realidade” não lhe dizia nada. Nem a mim, por Deus.” 

Clarice Lispector (1920-1977). A Hora da Estrela. Edição com manuscritos e ensaios inéditos. Rio de Janeiro: Rocco, 2017.p.30 

 “E quando acordava? Quando acordava não sabia mais quem era. Só depois é que pensava com satisfação: sou datilógrafa e virgem, e gosto de coca-cola. Só então vestia-se de si mesma, passava o resto do dia representando com obediência o papel de ser.” 

Clarice Lispector (1920-1977). A Hora da Estrela. Edição com manuscritos e ensaios inéditos. Rio de Janeiro: Rocco, 2017.p.32 

“Outro retrato: nunca recebera presentes. Aliás não precisava de muita coisa. Mas um dia viu algo que por um leve instante cobiçou: um livro que Seu Raimundo, dado a literatura, deixara sobre a mesa. O título era “Humilhados e Ofendidos”. Ficou pensativa. Talvez tivesse pela primeira vez se definido numa classe social. Pensou, pensou e pensou! Chegou à conclusão que na verdade ninguém jamais a ofendera, tudo que acontecia era porque as coisas são assim mesmo e não havia luta possível, para que lutar?” 

 Clarice Lispector (1920-1977). A Hora da Estrela. Edição com manuscritos e ensaios inéditos. Rio de Janeiro: Rocco, 2017.p.36 

Comentários de leitores do clube de leitura: 

Comentários sobre o prazer de ler: 

“E o grande prazer que é ler, não é?”; “Ler é emoção, prazer, cultura, interação com a humanidade e seus caminhos, seus dramas, sua história!”; “É um modo de viver muitas vidas.” 

Próximos livros e datas para discussão: 

Dias de Abandono – 27/janeiro/2022 - Autora: Elena Ferrante ( Itália) - 184p. 

Tudo é rio. – 24/fevereiro/2022 - 24/fevereiro/2022 - Autora: Carla Madeira (Brasil) 210 p. Niketche – Uma história de poligamia – 31/março/2022  - Autora: Paulina Chiziane (Moçambique) - 296p. 

A AEAMG está à sua disposição para prestar mais informações sobre o Clube de Leitura. Participe.

Duas Associadas participantes do Clube de Leitura LER PARA TECER – AEAMG, Sandra Lúcia e Sônia Torres com o livro do mês de dezembro 21, A Hora da Estrela, Clarice Lispector.

    

Cordialmente

Adriana Marinho de A. Couto                                   Maria Lúcia A. R. de Almeida

Diretora de Comunicação e Marketing                      Diretora Sociocultural

AEAMG                                                                 AEAMG

 

Maurício Marques de Aguiar

Presidente

AEAMG

 

                                                                                   

INFORME 041/2021 AEA MG –  23 DEZ 2021

Palavras-chave: BRINDES_CALENDÁRIOS, HORÁRIOS, LINK, VÍDEO

 

Prezado(a)s Associado(a)s,


CALENDÁRIOS 2022 E OUTROS
Informamos que foram postados para todos os nossos Associados na data de hoje, 23/12, os
envelopes contendo os calendários AEAMG 2022, além de outros conteúdos. Todos
carinhosamente pensados e cuidados para vocês.
Apesar do empenho da AEAMG para que a remessa acontecesse com tempo hábil e chegasse
antes do Natal, o serviço de impressão do Jornal da AEAMG sofreu atrasos, comprometendo
o prazo final.
HORÁRIO FUNCIONAMENTO DA AEAMG NO FINAL DE ANO
Amanhã, dia 24/12, e no dia 31/12, não haverá expediente na Associação.
Entre os dias 27 e 30 de dezembro (segunda à quinta-feira), a AEAMG estará funcionando
com atendimento virtual, que poderá ser realizado exclusivamente via aplicativo WhatsApp
(no seu aparelho de telefone celular ou computador) no número (31) 98634-1481, ou por E-
mail no endereço (Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.).
REGISTRO/LEMBRANÇA DA CONFRATERNIZAÇÃO “CELEBRANDO A VIDA”
No último dia 09/12 foi realizado o encontro de confraternização “CELEBRANDO A VIDA” na
Sede da AEAMG.
O evento encheu de alegria o ambiente, reflexo do espírito de confraternização trazido por
cada um(a) do(a)s Associado(a)s que estiveram presentes, mais os votos que recebemos
daquele(a)s que por motivos justos não puderam compartilhar presencialmente o momento.
A Diretoria da AEAMG divide com todos os seus Associado(a)s alguns dos momentos que
ficaram registrados do evento, que pode ser acessado e bastante curtido por meio do link:
https://drive.google.com/file/d/10-O2s-Q9h2xLSUxTjxKZ6c1sGTbW052r/view?usp=sharing

NATAL 2021 e PASSAGEM ANO NOVO
A Diretoria Executiva, Conselho Deliberativo, Conselho Fiscal e empregados da AEAMG,
reafirmam os votos a todo(a)s de um final de ano vibrante, com amor e saúde.

Cordialmente
Maurício Marques de Aguiar
Presidente
AEAMG

 

                                                                                   

INFORME 040/2021 AEA MG –  17 DEZ 2021

Palavras-chave: CALENDÁRIOS, FUNCIONAMENTO AEAMG FIM DE ANO, PROVA VIDA FUNCEF, SAÚDE CAIXA

 

Prezado(a)s Associado(a)s,


SAÚDE CAIXA
Informamos que o Escritório de Advocacia Ferreira Borges já ingressou com recurso junto ao
Tribunal Superior do Trabalho – TST, pela cassação da Tutela de Urgência no âmbito da
Justiça do Trabalho em Minas Gerais que mantinha as regras do Saúde Caixa existentes no
fim de 2020, em especial o percentual sobre a Remuneração Básica como pagamento da
mensalidade por grupo familiar (2%).
A Audiência Inicial está marcada para o dia 31 JAN 2022 e todas as informações sobre o
andamento do processo serão compartilhadas tempestivamente com todos.
FUNCEF
Termina no dia 31 DEZ 2021 o prazo para realização da Prova de Vida junto à Fundação dos
participantes nascidos no mês de dezembro, que preferencialmente deve ser feita com a
utilização do aplicativo (APP) FUNCEF pelo telefone celular.
A não realização do procedimento poderá acarretar na interrupção de pagamento dos
benefícios.
CALENDÁRIOS 2022 E OUTROS
Informamos que estamos finalizando os procedimentos para envio a todos os Associados dos
Calendários AEAMG para o ano de 2022, que estarão acompanhados de outras surpresas,
entre elas um Jornal da AEAMG especial e carinhosamente preparado para todos vocês.
HORÁRIO FUNCIONAMENTO DA AEAMG NO FINAL DE ANO
Entre os dias 20 e 23 de dezembro (segunda à quinta-feira), a AEAMG estará funcionando
normalmente no horário das 09 às 18 horas, inclusive para atendimento presencial.
Entre os dias 27 e 30 de dezembro (segunda à quinta-feira), a AEAMG estará funcionando
com atendimento exclusivamente por telefone, WhatsApp (31 98634-1481) e E-mail
(Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.).
Nos dias 24 e 31 de dezembro de 2021 não haverá expediente na Sede da AEAMG, sendo que
as demandas recebidas/registradas por WhatsApp ou E-mail serão tratadas no primeiro dia
útil seguinte.
NATAL 2021 e PASSAGEM ANO NOVO
A Diretoria Executiva, Conselho Deliberativo, Conselho Fiscal e empregados da AEAMG,
reafirmam os votos a todos de um final de ano caloroso, amistoso, amoroso, saudável,
alegre, e principalmente harmonioso entre cada um de nossos desejos e realizações.

Cordialmente
Maurício Marques de Aguiar
Presidente
AEAMG

 

Ao tempo em que reforçamos nossos desejos de um ano com muita paz, saúde e prosperidade, comunicamos com muita alegria o reinício das Rodas de Conversas Terapêuticas que acontecem na modalidade virtual, às segundas-feiras, no horário de 16 às 17:30h, pela plataforma Zoom.

Como foi para você o ano de 2021?
O que aprendeu, ou não deu certo, onde tropeçou em 2021 é aí que estará a magia do aprendizado e desenvolvimento para 2022.
Quais desejos você leva para 2022?

O ano comum é marcado pelo nascimento de Jesus. Mas, porque será que ele não muda no Natal?

Vamos trocar ideias sobre qual (is) fenômenos estão por trás do Natal e ano novo?

Abaixo, anexamos o convite do primeiro encontro do ano, com o tema “Ano Novo, Reveillon, Dia Mundial da Paz – é tudo a mesma coisa? ”

Participem das rodas acessando o link:
https://us02web.zoom.us/j/88397709747?pwd=RW1adlpQSXJRcTNvbURwZWo0bFQvdz09

Prezados (as) associados(as),

 

A seguir, link de acesso à versão digital do Jornal AEAMG 2021.


https://drive.google.com/file/d/1GkLVW54Xbwk5qQ-rpvSQfUyy8o5Jzkcq

 

Prezado(a)s, Associado(a)s,

No dia 25 de novembro de 2021, última quinta-feira do mês, como tem acontecido, foi realizado por videoconferência o quarto encontro do Clube de Leitura LER PARA TECER AEA-MG

A atividade do Clube de Leitura “LER PARA TECER AEA-MG” é a leitura de livros de romances escritos por autoras brasileiras e também estrangeiras, com ricas discussões posteriormente pelos participantes, mediados pela Professora Terezinha.  

Segundo a coordenadora do projeto, Terezinha Pereira, no mês de novembro, o livro lido e discutido pelos participantes foi “De amor e de Sombra”, da escritora chilena Isabel Allende. Durante o encontro, dez participantes teceram sobre suas experiências, trocaram opiniões, falaram de seus mais diversos sentimentos despertados pela leitura do livro.  

De amor e de sombras” (1984), foi escrito por Isabel Allende durante seu exílio na Venezuela. É uma história de amor situada no cenário da ditadura militar de Pinochet, no Chile. Irene e Francisco formam um casal de jornalistas que se enamoram a partir da amizade no trabalho. Juntos, a partir de investigações, vão conhecendo histórias ocultas que deixam a descoberto um governo tirano e também seus segredos militares. De modo sutil, porém perspicaz, a autora descreve uma época marcada por um regime de sistemática violação aos direitos humanos, em que a classe empresarial e os de maior poder econômico apoiavam o governo e as classes média e baixa, eram emudecidas, oprimidas, sem direito de opinião, uma vez que a imprensa estava submetida a uma severa censura. (tempo de sombra).  

Trechos: 

“O primeiro dia de sol evaporou a umidade acumulada na terra durante o Inverno e aqueceu os frágeis ossos dos anciãos, que, assim, puderam passear pelos caminhos ortopédicos do jardim. Apenas o melancólico permaneceu na cama, porque era inútil levá-lo para o ar puro: os seus olhos só viam os próprios pesadelos e os ouvidos estavam surdos ao alvoroço dos pássaros. Josefina Bianchi, a atriz, vestida com o longo traje de seda que usara meio século antes para declamar Tchekov e levando consigo uma sombrinha para proteger a pele de porcelana trincada, caminhava devagar entre os canteiros que em pouco tempo se cobririam de flores e besouros.”

Isabel Allende (1942). De amor e de sombra. Romance chileno. Trad. Suely Bastos. 21ª. Ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2019. p.13

“− Na realidade vim-te buscar, irmão− disse José, dirigindo-se a Francisco.

− Tens de ir ver uma menina na aldeia. Foi violentada há uma semana e desde então ficou muda. Usa os teus conhecimentos de psicologia, porque Deus não dá conta de tantos problemas.

− Hoje é impossível, tenho de ir com a Irene tirar umas fotografias, mas amanhã verei a criança. Quantos anos tem?

− Dez.

− Meu Deus! Que monstro pode fazer isso a uma pobre inocente? - exclamou Hilda.

− O pai.”

Isabel Allende(1942). De amor e de sombra. Romance chileno. Trad. Suely Bastos. 21ª. Ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2019. p.29

“Irene pegou-lhe pelo braço e conduziu-a delicadamente para um canto afastado do pátio, a essa hora envolto em penumbra. Francisco quis seguí-las, mas ela deteve-o com um sinal, certa de que a sós, Digna teria oportunidade de estabelecer uma sólida cumplicidade feminina. Sentaram- se em duas cadeiras de palha frente a frente. À ténue luz do crepúsculo, Digna Ranquileo viu o pálido rosto de Irene, devorado por uns olhos estranhos delineados com lápis negro, o cabelo agitado pela brisa, essa roupa vinda de outras épocas e as missangas barulhentas nos seus pulsos. Percebeu que, apesar do aparente abismo que as separava, podia contar-lhe a verdade, porque afinal eram irmãs, como no fundo o são todas as mulheres.”

Isabel Allende (1942). De amor e de sombra. Romance chileno. Trad. Suely Bastos. 21ª. Ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2019. p.114

“−Cada dia há mais pobres - disse Irene.

−Vais começar também com essa cantilena? Em toda a parte há mendigos. O que acontece é que aqui as pessoas não querem trabalhar, este é um país de preguiçosos - rebateu Beatriz.

−Não há trabalho para todos, mãe.

− Que queres? Que não haja diferença entre os pobres e as pessoas decentes?

Isabel Allende (1942). De amor e de sombra. Romance chileno. Trad. Suely Bastos. 21ª. Ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2019. p.175

*****

Comentários de leitores do clube de leitura:

“Digna é a minha personagem preferida do livro. Tão digna, forte, corajosa. Sofrida e tem humor! Muito divertido quando ela pergunta ao médico de histeria balança o telhado e quebra louças.  Ri muito. Exemplo de resiliência e amor.”

“Irene é linda, mas é uma heroína, protagonista, me encantou, mas não tanto quanto Digna.”

“Gente, adorei os nomes dos personagens!... contudo não consegui passar da pag. 50 ... não conseguirei ler a tempo do nosso encontro.”  

“Penso que quanto mais leitores do grupo participarem, melhor será nosso encontro.”

"De amor e de sombra": ficção inspirada em realidade. Veja a matéria: https://elpais.com/diario/1978/12/08/internacional/281919605_850215.html

“Uma coisa que adorei no livro foi os pobres resilientes: a Digna, minha favorita de todos os personagens, as Evangelinas, a família Flores, a Rosa e seus provérbios, o Mário e sua alma de artista. Aliás, todos os personagens são muito bem construídos e interessantes, me apaixonei também pela família de Francisco e os dois militares dedicados à causa com grande sinceridade, tanto o irmão de Evangelina e o noivo de Irene.” 

“Obrigada pela leitura deste livro, Terezinha. Uma verdadeira viagem em todos os sentidos, principalmente em história, que delícia!"

“Minha primeira vez junto a vocês e como foi gratificante! Compartilho o que muitos de vocês já disseram sobre o encontro.  Muita troca, muito aprendizado. Gratidão a todos.”

“Gente, ontem foi maravilhoso. Cada livro nos abre muito mais do que sua história.  Que delícia de conversa. Quanto conhecimento circula ali. Terezinha Pereira obrigada por nos abrir esta porta que leva a tantos caminhos! Colegas, gratidão pela troca de conhecimento, afeto, sorrisos. Estamos tão precisados de tudo isso... E um recadinho a quem não participa do encontro por não ter terminado (ou nem lido) o livro proposto: vá assim mesmo, vale a pena! Eu só havia lido 1/3 da obra mas terminei o encontro com muita vontade de ler o resto, ver o filme e ainda com uma lista de desejo de livros e filmes.”

Comentários sobre o prazer de ler:

“E o grande prazer que é ler, não é?” ; “Ler é emoção, prazer, cultura, interação com a humanidade e seus caminhos, seus dramas, sua história!”; “É um modo de viver muitas vidas.”

Próximos livros e datas para discussão:

5- A hora da Estrela – 30/dezembro/2021

Autora: Clarice Lispector (Brasil) - 88p. 

6- Dias de Abandono – 27/janeiro/2022

Autora: Elena Ferrante (Itália) - 184p. 

7- Tudo é rio. – 24/fevereiro/2022 - 24/fevereiro/2022

Autora: Carla Madeira (Brasil) – 210 p.  

8- Niketche – Uma história de poligamia – 31/março/2022

Autora: Paulina Chiziane (Moçambique) - 296p.

 

Cordialmente,

Diretoria da AEAMG 

 

Página 1 de 22